Tenho flertado com a ideia do minimalismo há tempos já. Me encanto com as histórias das pessoas que descobriram um jeito de ser mais felizes e adoro os vídeos de todo mundo jogando as coisas que não ama fora. Embora eu não goste da parte estética da coisa (aqueles espaços brancos e extremamente organizados, que é o que a gente mais vê por aí), eu gosto muito da ideia de simplificar minhas posses e só ter aquilo que realmente preciso e amo. É claro que…Continue a ler “Tô virando minamalista”